Medidas para melhorar a circulação

circulação ?
circulação ?

Quando alguém descobre que suas veias estão ficando entupidas, que está correndo risco de sofrer um infarto ou sua capacidade cardiorrespiratória está comprometida por causa do sobrepeso é preciso fazer algo a respeito.

O problema é óbvio: consumo excessivo de gordura que se acumulam nas vias de circulação. A solução é clara: reduzir a ingestão de alimentos que serão armazenados em forma de gordura pelo organismo e retirar o excesso de gordura que já está instalado. Note que o ideal não é a total eliminação da gordura, pois ela é indispensável para o bom funcionamento do organismo e constitue uma importante reserva de energia, serve de proteção ao corpo entre outras funções.

Em momento algum, a pessoa que passa por esse problema ou qualquer que seja o especialista (médico, nutricionista, psicólogo …) acredita que a solução seja aumentar a capacidade das veias para permitir que a gordura circule de forma livre sem causar congestionamento nas vias. Isso é ponto pacífico. Além de ser uma solução extremamente invasiva, o aumento do volume do sistema circulatório poderia se tornar extremamente oneroso, comprometendo o desempenho de outros órgãos do corpo. E no final das contas não resolve o problema. Lembra qual é? Gordura demais!!

Se não houver uma reeducação alimentar com inclusão de frutas e verduras na dieta,  alimentos ricos em fibra que facilitam o trânsito intestinal, além da adoção de hábitos de vida saudáveis, incorporados ao dia-a-dia, como por exemplo, caminhar, pedalar, subir escadas, cuidar do jardim… O problema só aumenta.

Então, por que é diferente quando nossas cidades começam a ter congestionamentos e a saúde fica comprometida com poluição, barulho e colisões? Criar mais ruas, viadutos e permitir um maior fluxo de automóveis só vai agravar o problema. Os carros são úteis, mas só se forem mantidos em níveis bem reduzidos, como uma reserva disponível para situações realmente necessárias. Se veículos que têm fibra como a bicicleta, não forem incentivados nas vias de circulação, o entupimento só tende a piorar e os hábitos saudáveis se tornam cada vez mais difíceis de serem adotados.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *