Chegou a Revista Bicicleta

Esse mês saiu o primeiro número da Revista Bicicleta. Segundo eles próprios, a revista:

…Tem por objetivo incentivar e despertar o uso da BICICLETA como meio de transporte, diversão, e atividade física. Disponibilizar informações e novidades que envolvem a esfera da BICICLETA a todos os seus usuários…

Eu já estava acompanhando o site e fiz questão de comprar um exemplar e lê-lo de ponta a ponta. O conteúdo é realmente bastante abrangente. Aparentemente, a intenção foi espalhar os vários enfoques ao longo da revista. Sem agrupar seções específicas sobre esporte, turismo, ativismo etc… A revista tem matérias sobre atletas e provas esportivas dentro e fora do país, roteiros cicloturísticos e relatos de viagens, informações técnicas tanto sobre ciclistas (bikefit, nutrição) quanto para as bicicletas (análise de componentes, dicas de mecânica).

Apesar de algumas dessas matérias me atraírem, meu principal interesse é justamente sobre a bicicleta como meio de transporte urbano. Algo do gênero das revistas Momentum e Urban Velo. Felizmente, pude constatar que também haviam artigos interessantes sobre mobilidade e questões práticas do dia-a-dia. E para quem já está envolvido com isso há algum tempo, pude identificar vários dos autores dessas matérias. Figuras de peso do cicloativismo nacional.

Não encontrei informação explícita sobre a periodicidade da revista, mas tenho impressão que será mensal. Espero que consigam manter o bom nível das matérias já que a revista tem um escopo tão amplo. Seria bom ver matérias mais detalhadas e extensas. Na verdade, essa é uma das ressalvas sobre a revista, alguns textos são realmente curtos e como achei um pouco “carregado” demais nas cores; em alguns momentos, não sabia se era uma propaganda ou um artigo.

Mas tudo bem, é como se tivesse um clima de apresentação de colunas e colunistas. Quanto à identidade visual, pessoalmente, eu prefiro uma cara mais limpa e homogênea. Também tive dificuldade em identificar o autor em algumas matérias. Acho importante saber de quem são as ideias.

Uma publicação como essa pode realmente vir a ser uma grande contribuição para o reconhecimento da bicicleta como uma alternativa eficiente de transporte urbano. Já estou esperando a próxima.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *